49 3222 6401

simmmel@simmmel.com.br

Indstrias e sindicatos unem-se para melhorar produtividade e gesto financeira

36 empresas de Lages e Rio do Sul participam do Programa de Apoio à Competitividade das Micro e Pequenas Indústrias (Procompi). Inciativa é da CNI e Sebrae em conjunto com a FIESC, SIMMMEL, de Lages, e SIMMMERS, de Rio do Sul

Indústrias dos segmentos metalúrgico, metalmecânico e de material elétrico de Lages e Rio do Sul em parceria com sindicatos do setor participam do Programa de Apoio à Competitividade das Micro e Pequenas Indústrias (Procompi), iniciativa da Confederação Nacional da Indústria (CNI), Sebrae e FIESC. Em Lages, o programa é realizado em parceria com o SIMMMEL e participam 20 companhias. Em Rio do Sul, é desenvolvido em conjunto com o SIMMMERS com participação de 16 empresas.

O Procompi estimula o fortalecimento de micro e pequenas indústrias, priorizando a implementação de ações coletivas e consultorias para elevar a produtividade, criar novos produtos, serviços ou aprimorar os já existentes, além de melhorar a gestão financeira e reduzir custos. O Programa já está em andamento e tem previsão de se encerrar em dezembro.  

No ano passado, a Censi, empresa com sede em Gaspar, fabricante de máquinas e equipamentos de corte, participou do Procompi oferecido em parceria com o SIMMMEB, de Blumenau, com foco em internacionalização. A diretora da empresa, Sheila Censi Braun, destaca que o programa trouxe aprendizado consistente e permanente, além de mudanças na cultura da empresa. “Nós já havíamos registrado algumas vendas para o exterior, mas não tínhamos conhecimento sobre exportação. Participamos de workshops que foram extremamente ricos e em paralelo tivemos consultorias individuais. Iniciamos um trabalho pela Colômbia. É uma país que tem muito mais sinergia e possibilidades e as vendas são apenas uma consequência de todo esse processo de internacionalização. Recomendo muito o Procompi porque crescemos muito como empreendedor e como empresa. E não precisa ser grande para poder exportar, afirmou.    

Outra empresa que participou do Procompi foi a 7Ball, de Gravatal. A companhia, fabricante de mesa de jogos, conheceu o programa por meio do Sindimad, de Tubarão. “Nossa expectativa era trazer uma padronização e uma melhoria do nosso processo produtivo. E nossa expectativa foi superada. O programa trouxe redução de custos, principalmente na parte de movimentação de peças e pessoas. Um dos melhores resultados que obtivemos foi na organização da empresa, com diminuição do desperdício de matéria-prima, do fluxo de mercadorias e ganho de espaço”, relatou o diretor da 7Ball, Diogo Brunel Nasário.

 

Video 1: https://youtu.be/vJJqxtIDSNs

Video 2 : https://youtu.be/-PZRmrQjULQ

 

Fonte: Texto e foto: Assessoria de Imprensa da FIESC

49 3222 6401

simmmel@simmmel.com.br

Rua Nossa Senhora dos Prazeres, 102

Centro - Lages/SC

CEP 88502-230